Angola torna-se membro do centro latino-americano de administração para o desenvolvimento

  •   Qua, 25 de novembro de 2020, 8:54
  •   170 Views
  •   0
  •    

Angola é confirmada como membro permanente e de plenos poderes do Centro Latino-Americano de Administração para o Desenvolvimento. O acto de confirmação aconteceu ontem, 23 de novembro, em Lisboa, Portugal, logo após a assinatura do acordo de adesão entre Angola e o conselho Directivo do Centro Latino-americano de Administração para o Desenvolvimento (CLAD).

Pela parte de Angola o acordo foi rubricado pela Ministra da Administração Pública, Trabalho e Segurança Social, Dr.ª Teresa Rodrigues Dias, e pelo Centro Latino-americano de Administração para o Desenvolvimento assinou o seu Presidente do Conselho Directivo, Dr. Fernando Grillo Rubiano, e o Secretário Geral da instituição, Dr. Francisco Velázquez López.

Com este acordo Angola torna-se no vigéssimo terceiro país membro do CLAD.

Durante o evento de confirmação a Ministra da Administra Pública, Trabalho e Segurança Social, Dr.ª Teresa Rodrigues Dias, afirmou que a República de Angola poderá partilhar a sua experiência sobre a Reforma e Modernização do Estado e da Administração Pública junto do Centro Latino-americano de Administração para o Desenvolvimento.

A Ministra recordou que a Reforma e Modernização do Estado e da Administração Pública tem por missão formular, conduzir, executar e avaliar as políticas de modernização, inovação e simplificação administrativa do Estado e da Administração Pública em matéria de organização e gestão dos serviços públicos, de alterações nos processos e procedimentos administrativos, de qualificação do emprego público e em matéria de política de gestão e de coordenação da implementação das autarquias locais.

O CLAD – Centro Latino-Americano de Administração para o Desenvolvimento – é um organismo internacional de carácter intergovernamental, que opera através de programas de cooperação internacional, criado no âmbito do acordo assinado pelos governos do México, Perú e Venezuela, a 30 de junho de 1972.

O objectivo do Centro Latino-americano de Administração para o Desenvolvimento é promover o intercâmbio de informações, conhecimentos, metodologias, boas práticas e experiências, bem como o debate entre os seus Estados-Membros, sobre a reforma do Estado com vista a melhorar a eficiência, a eficácia e a qualidade dos serviços da Administração Pública.

Fonte: GTICI / MAPTSS

Este poste foi útil para si?

Deixa o seu comentário!


Translate »