Objectivos traçados pelo PAPE

  •   Ter, 08 de outubro de 2019, 1:07
  •   269 Views
  •   0
  •    

JESUS MAIATO - MINISTRO DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, TRABALHO E SEGURANÇA SOCIAL

O ministro Jesus Maiato apontou, na altura do lançamento, que com o PAPE vai ser possível aumentar a capacidade institucional dos centros de formação profissional e de emprego, tanto públicos como privados, melhorar  a sua organização e funcionamento, a qualidade da oferta formativa, bem como a extensão da rede das unidades formativas.

O PAPE vai fomentar e apoiar o espírito de iniciativa dos empreendedores, fundamentalmente, dos jovens e mulheres. Valorizar o exercício das profissões, através da atribuição das carteiras profissionais e dar oportunidade de estágios aos cidadãos recém-formados.

Jesus Maiato disse ainda que será reforçado o fomento e o surgimento das micro e pequenas empresas, através da atribuição de micro créditos, kits e ferramentas de trabalho, bem como a melhoria do respectivo ambiente de prestação de serviço, que será feito através de uma plataforma electrónica, para dinamizar a intermediação, fundamentalmente, para os profissionais que exercem actividades por conta própria.

O ministro garantiu que o plano é de âmbito nacional com enfoque nas comunidades, beneficiando todos os cidadãos com idade activa, que reúnem requisitos estabelecidos para cada iniciativa.

Referiu que os objectivos traduzem a concretização das linhas contidas no Plano de Desenvolvimento Nacional, 2018-2022, especificamente no que diz respeito a promoção da empregabilidade, conforme reflectem as palavras proferidas pelo Presidente da República, João Lourenço, no seu discurso de investidura.

“A dimensão da população em idade activa e a tendência de crescimento nos próximos anos, impõe que a juventude esteja no centro das nossas atenções. Apostar nos jovens é apostar no futuro, no progresso de Angola e na sua inserção no mundo global, cada vez mais competitivo”, fim de citação.

Jesus Maiato alertou que o sucesso do PAPE depende incontornavelmente do espírito de responsabilidade, seriedade, determinação e foco de todos os beneficiários, a quem pediu, cumprimento rigoroso dos compromissos assumidos nas modalidades e programas que se candidatarem.

“É nosso desejo, que todas as forças vivas mobilizadas na implementação do plano, se dediquem para o seu sucesso, tendo em conta que só caminhando juntos será possível atingirmos os objectivos preconizados”, disse.

Fonte: GCII / MAPTSS

Este poste foi útil para si?

Deixa o seu comentário!


Translate »